13 coisas para pensar quando a vida estiver difícil

Sidarta Gautama, o Buda nos deixou um legado de grande sabedoria. Entre tantas pérolas, separo 13 conselhos deixados para aqueles que vivem momentos difíceis. Existe, segundo Buda, uma forma de viver esses momentos de uma maneira mais tranquila e o segredo tem a ver com atitude:

1) AS COISAS SÃO O QUE SÃO

A nossa resistência às coisas é a principal causa do nosso sofrimento. Este acontece quando resistimos às coisas como elas são. Se não se pode fazer nada, relaxe. Não lute contra a correnteza, aceite ou então se consuma em seu sofrimento.

2) SE VOCÊ ACHA QUE TEM UM PROBLEMA, VOCÊ TEM UM PROBLEMA

Repare que tudo é olhado através de uma perspectiva. Em um determinado momento as coisas parecem difíceis, no outro não. Sabendo disso, caso tenha uma dificuldade escolha entendê-la como um desafio, uma oportunidade de aprendizado. Se enxergá-la como um problema, essa dificuldade será certamente um problema.

3) A MUDANÇA COMEÇA EM VOCÊ MESMO

Mal com Bem

Cura para ao mundo

Meditação

Caminho da felicidade

A felicidade que vem da meditação

A felicidade que vem da meditação, “uma felicidade bem diferente do prazer dos desejos”, por Swami Sivananda

“Depois de um pouco de tempo na prática da meditação, você sentirá o corpo mais leve depois de um curto tempo, digamos 15 ou 30 minutos depois que você se sentou na posição Padma, Sidha ou Sukhasana, de acordo com sua preferência e temperamento. 

Você pode estar semi-consciente do corpo também. Há uma grande dose de felicidade devido à concentração. Isso é felicidade que vem da concentração – a concentração de Ananda (bem-aventurança) – que é bem diferente dos prazeres dos desejos. 

Você deve ser capaz de diferenciar esses dois prazeres através de Buddhi (a mente superior), que aparecem sutilmente pela constante meditação (Abhyasa).